Aperte "Enter" para pular para o conteúdo

Deus

Deus é a inteligência suprema, causa primeira de todas as coisas.

KARDEC, Allan. O Livro dos Espíritos (resposta dos Espíritos para a Questão 1 – O que é Deus?). Tradução de Evandro Noleto Bezerra. Edição Comemorativa de 150 anos. Rio de Janeiro: FEB, 2006.

Hoje nos faltam sentidos que permitam compreender a Deus, qual sua natureza e a forma completa das leis universais pelas quais age. Mas Ele existe, essa é a mensagem trazida na Codificação Espírita. Ele é a inteligência suprema, a causa primária de todas as coisas e age incessantemente. Todos os fenômenos conhecidos do homem e os ainda desconhecidos, todas as leis que os descrevem, toda a ordenação física e moral do Universo têm nele sua origem.

Os Espíritos, ao darem a resposta à pergunta “O que é Deus” (Dieu est l´intellinge suprême, cause premiére de toutes choses) empregaram a palavra “première”,  que pode ser traduzida para  o português tanto por “primeira” (usada na maioria das traduções de “O Livro dos Espíritos”) como por “primária” (usada em traduções como a de Sandra R. Keppler  para a editora Mundo Maior).

A tradução por “primária” me parece ser mais apropriada,  porque traduz melhor a ideia de que Ele é uma causa permanente, imanente, incessante.

Se uma bola de neve é atirada do alto de uma montanha, o atirador será a causa primeira da avalanche que provocará, mas poderá sair de seu lugar sem que a avalanche deixe de existir.

A energia elétrica que alimenta a lâmpada de uma sala é a causa primária da claridade ali existente, se o interruptor for desligado e a energia deixar de fluir pelo filamento da lâmpada a luz cessará.

Vide Os Fundamentos da Ética Espírita.

Skip to content